Skip links

Linnaeus no parque da rainha verde

Uma proposta artística e pedagógica para o parque da Rainha Verde em Schaerbeek


Ano :
2000
Localização :
Schaerbeek, Bruxelas

O parque da Rainha Verde é um espaço que conecta duas ruas em um bairro de Schaerbeek com várias ladeiras. O parque conecta a praça da Rainha onde está construída a Igreja Sainte Marie e a rua Verde. Ele é localizado próximo da estação du Nord, um bairro popular e carente. Acreditamos que o bairro precisa de um parque.

O projeto propõe criar um parque natural onde podemos encontrar o sistema histórico de classificação de plantas de Carl von Linné. A ideia era criar um parque patrimonial ao redor de uma história botânica. A concepção evoca o novo nome do parque e sua utilidade educativa.

Ele é dividido em diversas seções em função da configuração do jardim:
1- Na parte mais alta do parque e próximo à casa do jardineiro, se encontra uma horta e um jardim de flores, abertos ao público e às escolas. A seção das flores é educativa e centrada no sistema de classificação de plantas de Carl von Linné.
2- Uma pequena praça oval aberta está situada na entrada da descida da ladeira em direção aos caminhos em zigue zague do jardim, cercado de ervas, flores e plantas selvagens e perenes.
3. Foram projetados também um espaço para a prática de skate e uma praça para os cachorros.
4. O fundo do parque se abre para uma outra praça oval.

PARCEIROS

Antoine Grumbach & associés
Lena Sofer, paysagiste

PATROCÍNIO

Comuna de Schaerbeek
Contrat de quartier durable Brabant Vert